ÚLTIMAS NOTíCIAS


Cleire Bosio é psicóloga e orientadora profissional. Foto: Fátima Orsi


EDUCAÇÃO

E agora? Que profissão seguir?

30 de novembro de 2021

Orientação profissional auxilia os jovens do Ensino Médio no dilema da escolha da profissão. Veja as orientações da psicóloga Cleire L. Molinari Bosio

A escolha por uma profissão na adolescência representa muito mais do que uma seleção por uma atividade de trabalho, implica refletir quem se deseja ser, significa a busca por uma identidade pessoal e profissional. É justamente nesta fase que o jovem experimenta  importantes   transformações  hormonais, emocionais e intelectuais tornando-o suscetível a conflitos internos e externos. Sentimentos como medo, dúvida, angústia, confusão, incerteza, receio e insegurança são claramente evidenciados nessa etapa, pelo fato dos adolescentes atribuírem a si mesmos a responsabilidade da escolha, como se ela definisse  seu futuro e lugar na sociedade. 

O jovem de hoje nasceu conhecendo a alta tecnologia,  os jogos eletrônicos, está plugado  no mundo das informações rápidas e globais. Porém, a grande questão é: com que profundidade compreendem ou utilizam as informações obtidas? Observamos que nos momentos de optarem por seus projetos de vida, deparam-se com uma certa “fragilidade de conhecimento”, ou seja, não se sentem emocionalmente preparados para tomarem decisões.

Atualmente,  o vínculo que o adolescente  estabelece com a profissão é um dilema. Isso ocorre porque o processo de escolha da profissão requer que o jovem possa selecionar, discriminar, diferenciar, descartar e, para que isso aconteça, é preciso conhecer e não apenas “zapear” as características das inúmeras opções disponíveis de profissões e atuações no mercado.

É neste  contexto que o trabalho de orientação profissional deve ser pautado, promovendo o autoconhecimento nos jovens e, sobretudo, a reflexão conjunta na escolha da profissão, traçando um caminho no qual o adolescente possa transitar em busca de um objetivo, estimulando-o a fazer escolhas de  maneira mais consciente e madura. É imprescindível criar condições para que os jovens  possam ter acesso à maior quantidade possível de informações em relação as suas escolhas. O orientador profissional atuará como um facilitador neste processo, desenvolvendo estratégias para que o próprio jovem  identifique suas aptidões, interesses, valores e características de personalidade, favorecendo dessa forma a elaboração de um projeto de vida de maneira responsável e consciente.

 

 

Cleire L. Molinari Bosio

Psicóloga – Orientadora Profissional

Coach certificada pela Sociedade Brasileira de Coaching – SBC

Membro da Associação de Orientadores Profissionais – ABOP 

www.cleirebosio.com.br

I cleirebosio_psicologa

 

Consultório:

Condomínio Empresarial Jardim Sul

Rua Jandiatuba, 630 – Sala 132 B

Tel: 99111-0907 (whatsapp)


FIQUE CONECTADO











luiza@leituraprima.com.br
(11) 2372-3992 e (11) 98486-1117

Política de Privacidade